Home / Oceania / Polinésia Francesa / Rurutu: artesanato polinésio e baleias

Rurutu: artesanato polinésio e baleias

A ilha de Rurutu com 32,7 km² é a segunda maior ilha das Ilhas Austrais. Rurutu está localizada a 572 km ao sudoeste de Taiti entre as ilhas de Rimatara e Tubuai. O ponto mais alto é o Monte Manureva com 385 metros. Seus habitantes – 2.088 em 2007 – são distribuídos pelas três aldeias de Moerai, Avera e Hauti. A aldeia mais importante é Moerai. Foi o capitão James Cook o primeiro europeu a descobrir Rurutu em 1769, que também foi a primeira ilha das Austrais a ser avistada por europeus.

A ilha é de origem vulcânica e é um atol clássico de coral levantado, que é cercado por falésias, formadas parcialmente a partir de corais antigos, que foram levantados em cima do mar. Este tipo de solo é chamado Makatea e é a razão pela qual a ilha está cheia de penhascos e cavernas. Rurutu não tem uma lagoa, porque o recife de coral, que a rodeia é perto da costa. A ilha tem algumas belas praias de areia branca, sobretudo ao longo da costa sul.

A ilha de Rurutu é famosa por seu artesanato tradicional: Chapéus, bolsas, tapetes e outros objectos feitos com as fibras de pandanus. Mas a ilha é mais famosa por ser um lugar para a observação de baleias, que podem ser vistas diretamente da costa da ilha nos meses entre julho e outubro. Os locais mais adequados para a observação de baleias encontram-se na baía de Moerai e são a Pointe Tematonaa e a Pointe Arei. Espalhados pelas ilhas são alguns templos antigos polinésios (Marae) como o Marae Poreopi, o Marae Vitiara e o Tapuara Pito. Entre as mais belas cavernas são as de Tane Uapoto, Tiana Taupee e Ana Aeo.

COMO CHEGAR A RURUTU: Rurutu está ligada por voos regulares da Companhia Air Tahiti com as ilhas de Taiti, Raivavae, Tubuai e Rimatara. O aeroporto está localizado na costa norte da ilha.

Texto português corrigido por Dietrich Köster.

banner
Close
Inscreva-se no nosso canal YOUTUBE
Se você gosta de viajar, inscreva-se no nosso canal de viagens YOU TUBE: