Home / Europa / Portugal / Alfama: o bairro mais característico de Lisboa

Alfama: o bairro mais característico de Lisboa

A Alfama, que estende-se a leste do centro da cidade, é um dos bairros mais antigos de Lisboa e mantém ainda a sua estrutura árabe. É sem dúvida o bairro mais popular e folclórico da capital.

Aqui pode-se perder num labirinto pitoresco de ruelas e escadarias entre bancas de peixe e lojas típicas e de noite é o lugar, onde, em locais típicos pode ouvir o fado, a característica música popular portuguesa, lenta e melancólica, que exprime a alma dos portugueses, uma mistura de presunçosa melancolia, ansiedade, calma, sentido fatalista da vida, que é chamado em português “saudade”.

Neste bairro está localizada a Sé Patriarcal (catedral). Esta igreja foi construída originalmente no século XII em estilo românico. O interior tem três naves na forma duma cruz latina. Dignos para ver são os azulejos da capela franciscana, que descrevem a vida de Santo Antônio, os túmulos de D. Afonso IV e sua esposa na capela de Santo Ildefonso – um túmulo esculpido do século XIV – , o claustro gótico e o museu da catedral.

A catedral de Lisboa, Portugal. Autore e Copyright Liliana Ramerini

A catedral de Lisboa, Portugal. Author Liliana Ramerini

Na área em torno da catedral são para visitar a igreja barroca de Santo António da Sé e a Casa dos Bicos, um edifício civil do século XVI, foi a casa de Brás de Albuquerque, filho do governador do Estado português da Índia Afonso de Albuquerque, e a igreja da Conceição Velha com um portal em estilo manuelino.

O Largo do Chafariz de Dentro é a praça central do bairro. Nas proximidades há o antigo gueto judeu, a igreja de Santa Luzia com um miradouro maravilhoso sobre a Alfama e o Museu de Artes Decorativas com obras dos séculos XVII e XVIII, a igreja São Miguel e Santo Estevão, onde pode desfrutar duma outra bela vista do bairro.

Indo para cima para alcançar o castelo de São Jorge (século XII) – a residência real nos séculos XIV-XVI – as torres do castelo oferecem uma vista magnífica sobre Lisboa toda. Descendo do castelo pode visitar a igreja barroca de Nossa Senhora da Graça, onde está enterrado Afonso de Albuquerque, governador do Estado português da Índia entre 1509 e 1515. Ele conquistou Ormuz, Goa e Malaca e foi o verdadeiro fundador do poder marítimo português da Ásia. Junto à igreja está o Miradouro da Senhora do Monte, um outro miradouro muito belo sobre a cidade.

Lisboa, Portugal. Autore e Copyright Liliana Ramerini

Lisboa, Portugal. Author Liliana Ramerini

Não muito longe existe provavelmente a mais bela igreja renascentista de Portugal: A igreja de São Vicente de Fora (séc. XVI/XVII), projetada pelo arquiteto de Bolonha Filippo Terzi. O interior da igreja com uma única nave é barroco e dentro fica o panteão da casa real de Bragança. Então não deve perder uma visita ao belo claustro decorado com azulejos. Atrás da igreja encontra-se o Campo de Santa Clara, onde nas manhãs de terça-feira e sábado há a Feira da Ladra, um mercado pitoresco e animado de mobiliário, roupa usada, pratos, livros antigos, revistas, discos de vinil, pinturas, tapetes, telhas, azulejos, bugigangas, moedas colecionáveis​​, equipamento militar e mais.

Outro museu, que merece ser visitado é o Museu Militar, localizado num arsenal do século XVIII, onde há uma exposição de armas e equipamento militar a partir do século IX até o presente. Admire o belo portal manuelino da Igreja da Madre de Deus. O interior tem uma única nave barroca e é coberto com azulejos. Nos dois claustros da Igreja, um renascentista e o outro manuelino, fica a casa do Museu Nacional do Azulejo, que é absolutamente a não perder.

Texto português corrigido por Dietrich Köster.



Booking.com

banner
Close
Inscreva-se no nosso canal YOUTUBE
Se você gosta de viajar, inscreva-se no nosso canal de viagens YOU TUBE: