Home / Oceania / Fiji / Sawa-i-Lau: As cavernas do antigo deus fijiano com dez cabeças Ulutini
A caverna de Sawa-I-Lau, Yasawa, Fiji. Autor e Copyright Marco Ramerini
A caverna de Sawa-I-Lau, Yasawa, Fiji. Autor e Copyright Marco Ramerini

Sawa-i-Lau: As cavernas do antigo deus fijiano com dez cabeças Ulutini

No norte das ilhas Yasawa encontra-se uma das atrações mais distintivas de Fiji: As cavernas de Sawa-i-Lau. As cavernas estão localizadas ao longo da costa oeste da ilha de Sawa-i-Lau, que fica em frente da costa sul da ilha de Yasawa. Sawa-i-Lau é uma ilha de calcário no meio duma cadeia de ilhas vulcânicas. A ilha é pequena, medindo 1 km para 1,7 km. O ponto mais alto da ilha ultrapassa os 160 metros. O lugar é idílico: Praias de areia branca, um mar azul, uma vegetação tropical exuberante e penhascos de pedra calcária. As cavernas de Sawa-i-Lau são consideradas pelos fijianos como cavernas sagradas: Aqui era o lugar de descanso do antigo deus fijiano de dez cabeças Ulutini.

O barco, que irá transportá-lo, vai pousar num pequeno trecho de praia, onde alguns fijianos estabeleceram barracas com os seus produtos artesanais. Além do final da praia ao sul há uma escada de concreto, que leva à caverna. Em momentos de grande afluência a entrada é contingentada. Apenas algumas dezenas de pessoas são trazidas cada vez. Suba a escada e depois entre na escuridão, descendo na caverna. Em frente dos seus olhos há paredes íngremes e em baixo a água, que enche parcialmente a caverna.

Sawa-I-Lau, Yasawa, Fiji. Autor e Copyright Marco Ramerini

Sawa-I-Lau, Yasawa, Fiji. Autor e Copyright Marco Ramerini

Os feixes de luz entram na grande caverna em forma de cúpula – 15 metros de altura acima da superfície da água, onde pode nadar numa piscina natural. Mergulhe-se e nade no centro da caverna. A sensação, que tem admirando as paredes pendentes em torno de você e a luz solar, que penetra a partir de cima vai surpreender você. Parece que ninguém conhece a profundidade da caverna. Recomendamos usar um colete salva-vidas para flutuar facilmente no centro da caverna. A excursão da caverna é adequada para crianças. Elas ficarão fascinadas.

As cavernas são formadas por antigas formações de calcário parcialmente invadidas pela água. O teto da caverna é parcialmente colapsado e a luz solar filtra de cima. Enquanto flutua no meio da caverna, se olha para cima, verá o céu e o verde da vegetação. O que geralmente é visitada é a caverna principal. Se gosta da aventura e do risco, há uma segunda caverna conectada à primeira por um túnel subaquático. Para visitá-lo um guia localé necessário para acompanhá-lo.

As cavernas estão localizadas ao lado dum dos locais, onde o filme “Blue Lagoon” foi filmado em 1980. Algumas das excursões organizadas para visitar as cavernas levam também a visitar a “Lagoa Azul”, localizada a poucas centenas de metros ao norte das cavernas entre as ilhas de Sawa-i-Lau e Nanuya Levu. As cavernas de Sawa-i-Lau e a praia da ilha de Nanuya Lailai foram filmadas para o filme Blue Lagoon. As cavernas de Sawa-i-Lau são uma paragem fixa para aqueles, que cruzam com o Blue Lagoon Cruises e o Capitão Cook Cruises. Mesmo as estâncias das ilhas de Nacula, Nanuya Lailai, Yasawa e Tavewa organizam excursões diárias para visitar as cavernas de Sawa-i-Lau.

Texto português corrigido por Dietrich Köster.

banner
Close
Inscreva-se no nosso canal YOUTUBE
Se você gosta de viajar, inscreva-se no nosso canal de viagens YOU TUBE: