Home / Europa / Portugal / Porto: uma cidade com um centro histórico antigo e autêntico
Ponte Dona Maria Pia, Porto, Portugal. Author Christian Zimmermann. No Copyright
Ponte Dona Maria Pia, Porto, Portugal. Author Christian Zimmermann

Porto: uma cidade com um centro histórico antigo e autêntico

A cidade do Porto com 265 mil habitantes está localizada no norte de Portugal. Segunda cidade de Portugal depois de Lisboa fica a 280 km ao norte dela. Localizado na margem norte do rio Douro, bem conhecido pelo seu vinho, mas também cidade moderna e comercial, é muitas vezes referido como o motor industrial de Portugal.

A cidade desenvolveu no tempo dos romanos, quando foi chamada Portus Cale (a partir do qual é derivado o nome de Portugal). Os árabes, que invadiram a Península Ibérica no século VIII, não conseguiram ocupar de forma estável a área em torno do Porto, conhecido na época como Condado Portucalense. Porto desenvolveu nos séculos seguintes como um importante centro industrial e comercial.

O centro histórico do Porto foi incluído na lista do Património Mundial da UNESCO em 1996 graças à sua incrível paisagem urbana. A cidade está numa localização cénica numa colina com vista para o estuário do rio Douro.

O rio é atravessado por várias pontes. Três são os mais espetaculares: a ponte ferroviária D. Maria Pia, construída por Gustave Eiffel em 1877, a Ponte Dom Luís I de 1866 e a ponte da Arrábida de 1963.

Como mover-se no Porto: A cidade é servida por uma extensa rede de autocarros e por um metrô misturado, operando tanto no subsolo como na superfície.

QUE VER: AS PRINCIPAIS ATRAÇÕES DO PORTO

O roteiro do Porto pode começar a partir da praça da Liberdade. No centro está a estátua de D. Pedro IV e a partir daqui pode ir para a parte mais antiga da cidade. Cruzando a Avenida D. Afonso Henriques pode visitar a igreja do convento de Santa Clara do século XV com uma fachada renascentista e um interior barroco.

Porto, Portugal. Author Gustavo Motta. Licensed under the Creative Commons Attribution-Share Alike

Porto, Portugal. Author Gustavo Motta

Não muito longe está a Sé (catedral), construída no século XII/XIII e renovada no século XVII/XVIII. Em seu interior barroco são para visitar a capela do SS. Sacramento com o seu altar de prata e o claustro revestido de azulejos.

Continuando encontramos o Museu Guerra Junqueiro com móveis e cerâmica e finalmente chegamos à igreja de São Francisco do século XIII e ao Palácio da Bolsa do século XIX com o seu Salão Árabe.

Voltando à Praça da Liberdade pode visitar a igreja barroca dos Clérigos e a torre dos Clérigos do florentino Nicola Nasoni com 75 metros de altura. Tornou-se o símbolo da cidade, de onde pode admirar uma bela vista do Porto. Perto daqui está a igreja barroca do Carmo.

Finalmente chega ao mais importante museu da cidade: o Museu Nacional Soares dos Reis, que inclui obras de pintura e escultura portuguesa dos séculos XIX e XX. A estação central de São Bento, decorada com azulejos, é também interessante. Entre os edifícios modernos existe a Casa da Música de 1999-2005, projetada pelo arquiteto neerlandês Rem Koolhaas.

O Porto é famoso por sua ribeirinha. A Ribeira é dominada pela ponte de ferro Dom Luís I, construída em 1886. Nas proximidades encontra-se um outro grande ponte de ferro: a Ponte D. Maria Pia, construída em 1877 por Gustave Eiffel. Na margem oposta do Douro situam-se no bairro de Vila Nova de Gaia as caves de vinho do Porto.

Entre as excursões a fazer na área do Porto a não perder é a que leva à visita do vale do Douro, inserido em 2001 na lista do Património Mundial da UNESCO. As praias de Matosinhos são um outro lugar para visitar, especialmente durante o verão.

O clima do Porto.

Texto português corrigido por Dietrich Köster.



Booking.com

banner
Close
Inscreva-se no nosso canal YOUTUBE
Se você gosta de viajar, inscreva-se no nosso canal de viagens YOU TUBE: