Home / Oceania / Austrália / O Great Ocean Road: ao longo dum dos litorais mais espetaculares da Austrália
Doze Apóstolos (Twelve Apostles), Victoria, Austrália. Author Thomas ENGUEHARD. No Copyright
Doze Apóstolos (Twelve Apostles), Victoria, Austrália. Autor Thomas ENGUEHARD

O Great Ocean Road: ao longo dum dos litorais mais espetaculares da Austrália

Melbourne e a baía de Port Phillip marcam a divisão entre as costas oeste e leste do Estado australiano de Vitória. As duas costas, embora distantes apenas algumas centenas de quilómetros, parecem pertencer a dois mundos diferentes. Uma viagem ao longo da costa oeste e especialmente ao longo do Great Ocean Road (Grande Estrada Oceânica) é uma experiência inesquecível.

O Great Ocean Road, que tem um comprimento de 240 km, foi construído por volta de 1920 para ligar as localidades costeiras. A estrada começa na cidade de Torquay a 100 km a sudoeste de Melbourne. Aqui as ondas do mar são adequadas para o surf e as cidades de Jan Juc e Bells Beach são dois dos locais de surf mais conhecidos do mundo. Todos os anos em torno da semana de Páscoa reúnem-se os melhores surfistas para corridas espectaculares. A estrada continua para o sul até chegar à cidade de Lorne, uma das mais populares balneários pelos habitantes de Melbourne, sendo um paraíso para o desporto aquático e a pesca.

Além de Lorne começa o trecho mais espetacular da estrada, atravessa a Apollo Bay para chegar ao Otway National Park, onde a floresta tropical descende para o mar. No Melba Gully State Park durante a noite milhares de vaga-lumes transformam a noite em dia. Uma paragem interessante é o farol do Cabo Otway, construído em 1846 para diminuir os naufrágios ao longo da costa, conhecida como a Shipwreck Coast (Costa dos Navios Naufragados), onde aconteceram mais de 80 naufrágios.

Quando a estrada está de volta na costa, chega ao Parque Nacional de Port Campbell. Aqui o litoral é formado por uma cadeia de falésias rochosas impressionantes. As falésias sobem para mais de 60 metros acima do mar e pouco depois aparecem os famosos “Twelve Apostles” (Doze Apóstolos), a maravilha natural deste trecho da costa: 12 rochas enormes majestosas, que emergem das ondas e que atingem alturas de 45 metros. Especialmente interessante é o miradouro dos Doze Apóstolos ao amanhecer ou ao pôr do sol, quando mudam de cor rapidamente com o sol nascente ou poente.

Island Archway, Great Ocean Road, Victoria, Austrália. Autor David Iliff. Licensed under the Creative Commons Attribution-Share Alike

Island Archway, Great Ocean Road, Victoria, Austrália. Autor David Iliff

Perto dos Doze Apóstolos entre as cidades de Princetown, Port Campbell, Peterborough e Allansford encontram-se outras maravilhas naturais. Entre eles há a 5 km a oeste de Princetown os Gibsons Steps, onde uma escada de 86 passos leva para a praia debaixo com paredes de pedra, que erguem-se a 70 metros e onde existem as enormes formações rochosas de Gog e MaGog. 3 km a leste de Port Campbell fica o “Grotto”, uma formação geológica, criada por água, que corroeu o calcário.

6 km a oeste da cidade de Port Campbell fica The Arch (O Arco), uma estrutura de pedra, que dá o seu melhor, quando o mar está agitado e as ondas quebram tudo ao redor. Apenas um quilómetro ao oeste encontra-se o “London Bridge” ou “London Arch”, uma formação rochosa, que em parte entrou em colapso em 1990, mas está ainda muito charmosa. Um pouco além há o Loch Ard Gorge, uma pequena abertura para o mar entre as falésias. A 2 km de Peterborough abre-se a Bay of Martyrs, um lugar ideal para desfrutar das falésias deslumbrantes da Bay of Islands vizinha, que são particularmente bonitas no pôr do sol, quando as ilhas e o Massacre Point são iluminados por trás pela luz solar.

Ao longo do Great Ocean Road pode vivenciar a história das aldeias de pescadores e de portos marítimos de Vitória: No passado os portos de Warrnambool, Port Fairy e Portland tinham grandes navios de carga e navios baleeiros. Hoje a baleia é uma espécie protegida e nos meses de inverno (junho a setembro) as baleias aproximam-se da costa em Logan Beach. Foi criada uma plataforma com o propósito de admirar as baleias. Em geral aproximam-se até 100 metros da costa.

Texto português corrigido por Dietrich Köster.

The Razorback, Loch Ard Gorge, Port Campbell National Park, Victoria, Austrália. Autor Larry Haydn. Licensed under the Creative Commons Attribution-Share Alike

The Razorback, Loch Ard Gorge, Port Campbell National Park, Victoria, Austrália. Autor Larry Haydn

banner
Close
Inscreva-se no nosso canal YOUTUBE
Se você gosta de viajar, inscreva-se no nosso canal de viagens YOU TUBE: