Home / Europa / Noruega / Noruega atrações turísticas: o que ver na Noruega
Feigefossen, Luster, Sogn og Fjordane, Noruega. Autor Petr Smerkl, Wikipedia. Licensed under the Creative Commons Attribution-Share Alike
Feigefossen, Luster, Sogn og Fjordane, Noruega. Autor Petr Smerkl, Wikipedia

Noruega atrações turísticas: o que ver na Noruega

Os atrativos naturais das paisagens são os principais motivos, que levam a uma viagem à Noruega. A Noruega para turistas significa geralmente fiordes espetaculares, geleiras e ilhas. Mas os visitantes para o extremo norte do país tém também durante o verão a oportunidade de admirar o fenómeno do sol da meia noite. Sobre o círculo ártico por um período, que varia de acordo com a latitude, o sol nunca põe-se.durante os meses de verão.

Os fiordes noruegueses e suas quedas espetaculares são a atração mais conhecida do país. Entre os mais famosos fiordes há o Sognefjord, um fiorde de 200 quilómetros e 1.244 metros de profundidade. O Hardangerfjord fica no pé da geleira do mesmo nome. O Fiorde de Geiranger com suas cachoeiras é um dos fiordes mais espetaculares da Noruega. Enquanto navega neste fiorde, imerso numa paisagem de paredes rochosas cobertas de vegetação, pode admirar inúmeras cachoeiras, que correm diretamente para o fiorde. As mais conhecidas e admiradas são as cachoeiras de Sete Irmãs (De syv søstrene) e de Véu da Noiva (Brudesløret). Entre as geleiras norueguesas ergue-se o imponente geleira Jostedalsbreen, que é com 487 km2 a maior geleira da Europa continental.

Geleira Jostedalsbreen, Noruega. Autor G. Lanting, Wikipedia. Licensed under the Creative Commons Attribution

Geleira Jostedalsbreen, Noruega. Autor G. Lanting, Wikipedia

Não menos característicos que os fiordes são as inúmeras ilhas, que enfrentam a costa norueguesa. Entre os arquipélagos mais famosos e visitados são os de Lofoten e de Vesterålen. As Ilhas Lofoten são um arquipélago da Noruega, localizado ao norte do Círculo Ártico. As ilhas são famosas pela beleza das paisagens naturais. Há montanhas ingremes, que caem no mar em paisagens intactas. Magerøya é a ilha mais setentrional da Europa. Aqui fica o Cabo Norte e o menos conhecido Knivskjellodden, que é o ponto mais setentrional da Europa continental. Desde 1999 a ilha está ligada ao continente por um túnel subaquático.

Mas nos últimos anos mesmo o arquipélago ártico de Svalbard remoto tornou-se um importante destino turístico. As Ilhas Svalbard são as ilhas mais ao norte dos arquipélagos árticos da Noruega. Este grupo de ilhas está localizado a 500 km ao norte do Cabo Norte. As Ilhas Svalbard são destinos de cruzeiros e destinos ideais para aqueles, que querem desfrutar da natureza e da vida selvagem do Ártico, incluindo o mar, as montanhas e as geleiras. Pode observar as baleias e os ursos polares.

Ilhas Lofoten, Noruega. Autor e Copyright Marco Ramerini

Ilhas Lofoten, Noruega. Autor Marco Ramerini

Motivo de atração turística é também o característico sol da meia noite. Em Nordkapp (Cabo Norte) no extremo norte do país o sol nunca põe-se a partir do 13 de maio até o 29 de julho. Mais mais ao sul nas ilhas de Lofoten o sol da meia noite é visível entre o 28 de maio e o 14 de julho. Outro fenómeno maravilhoso típico dos países nórdicos e visível na Noruega são as luzes do norte, que podem ser vistas às vezes durante o inverno longo. O período de outubro a março é o melhor para observá-las.

Entre as cidades da Noruega a capital Oslo é uma cidade moderna e funcional. Bergen, a segunda maior cidade da Noruega, tem uma bela cidade antiga. A zona histórica da cidade, o “Bryggen”, foi incluída na lista do Património da Humanidade da UNESCO. Outra bela cidade do país é Trondheim. A cidade tem a sua principal atração na grande catedral gótica de Nidaros, que é o edifício gótico mais importante da Noruega. A cidade de Tromsø no extremo norte do país é um outro destino interessante com uma cidade velha, cheia de casas de madeira e uma igreja moderna: a Catedral do Ártico.

Bergen, Noruega. Autor e Copyright Marco Ramerini

Bergen, Noruega. Autor Marco Ramerini

A Unesco inscreveu 7 locais noruegueses na lista de patrimónios mundiais da humanidade. Desses, seis sítios são de natureza cultural, incluindo o antigo porto da cidade de Bergen ,o Bryggen (1979), a igreja de madeira de Urnes (1979), a cidade mineira de Røros (1980), os petroglifos sobre a rocha de Alta (1985), o arquipélago de Vega-Vegaøyan (2004) e o Arco Geodésico de Struve (2005). O único local da UNESCO a caráter natural são os fiordes noruegueses ocidentais incluindo os maravilhosos fiordes de Geirangerfjord e de Nærøyfjord (2005).

Texto português corrigido por Dietrich Köster.

Heddal Stave Church, Noruega. Autor Micha L. Rieser, Wikipedia. Licensed under the Creative Commons Attribution-Share Alike

Heddal Stave Church, Noruega. Autor Micha L. Rieser, Wikipedia

TABELA DE VISIBILIDADE DO SOL DA MEIA-NOITE

Localidade de para
Cabo Norte 13 Maio 29 Julho
Hammerfest 16 Maio 26 Julho
Vardø 17 Maio 25 Julho
Tromsø 20 Maio 22 Julho
Harstad 24 Maio 18 Julho
Svolvær 28 Maio 14 Julho
Bodø 3 Junho 8 Julho

As datas podem variar de alguns dias.

banner
Close
Inscreva-se no nosso canal YOUTUBE
Se você gosta de viajar, inscreva-se no nosso canal de viagens YOU TUBE: