Home / Europa / Finlândia / Helsínquia / Helsinque: uma cidade moderna e funcional

Helsínquia / Helsinque: uma cidade moderna e funcional

Helsínquia/Helsinque com 575.000 habitantes e mais dum milhão na área metropolitana é a capital e a maior cidade da Finlândia. Está localizada no sul da Finlândia na costa do mar Báltico. A cidade abrange algumas penínsulas e ilhas na frente da costa.

Helsínquia/Helsinque foi fundada com o nome de Helsingfors pelos suecos em 1550, mas ela permaneceu por séculos uma cidade pequena. Apenas no século XIX com a passagem da Finlândia para a Rússia Helsínquia/Helsinque ganhou importância, tornando-se a capital do país em vez de Turku. Após a Primeira Guerra Mundial a cidade tornou-se a capital da Finlândia independente.

O aspecto de Helsínquia/Helsinque é moderno, mas no seu centro histórico existem também edifícios neoclássicos. O mais famoso é a catedral (Helsingin tuomiokirkko, Suurkirkko), que domina o panorama da cidade e tornou-se um dos seus símbolos. Mesmo o Art Nouveau está presente em Helsinki, especialmente nos distritos de Ullanlinna e Katajanokka e no prédio da Estação Central dos caminhos de ferro.

A arte moderna e o funcionalismo estão particularmente bem representados. O famoso arquiteto finlandês Alvar Aalto deixou vários edifícios interessantes como o Finlandia Hall (sala de concertos), a central da indústria de papel, Stora Enso e o Campus da Universidade Otaniemi com seu auditório.

Helsínquia/Helsinque é o centro económico e cultural mais próspero e mais desenvolvido da Finlândia. A maioria das grandes indústrias e empresas da Finlândia está localizada em Helsínquia. A cidade tem oito universidades e inúmeros colégios e institutos politécnicos de grande importância.

A cidade abriga alguns dos museus mais importantes do país, incluindo o Museu Nacional da Finlândia (National Museum of Finland), dedicado à história da Finlândia com salões, que vão desde a pré-história até os tempos modernos, e a Galeria Nacional Finlandesa (Finnish National Gallery) com o Museu Atheneum, dedicado à arte clássica e o Museu Kiasma dedicado à arte contemporânea.

Pela alegria das crianças Helsínquia/Helsinque tem um dos parques de diversões mais populares da Finlândia: O parque Linnanmäki oferece montanhas-russas e atrações de vários tipos, incluindo um grande aquário.

Em 1991 a UNESCO declarou Património Mundial a Fortaleza de Suomenlinna, uma imponente fortaleza, localizada numa pequena ilha ao largo da costa de Helsinki. A fortaleza remonta ao século XVIII e foi construída pelos suecos a fim de proteger a Finlândia, que era naquele tempo uma posse sueca, contra as ambições expansionistas do Império Russo.

O clima de Helsínquia/Helsinque.

Texto português corrigido por Dietrich Köster.

banner
Close
Inscreva-se no nosso canal YOUTUBE
Se você gosta de viajar, inscreva-se no nosso canal de viagens YOU TUBE: