Home / Europa / Espanha / Úbeda: uma pequena cidade espanhola caracterizada por arquitetura e arte renascentistas
Sacra Capilla del Salvador, Ubeda, Andaluzia, Espanha. Author and Copyright Liliana Ramerini.
Sacra Capilla del Salvador, Ubeda, Andaluzia, Espanha. Author and Copyright Liliana Ramerini.

Úbeda: uma pequena cidade espanhola caracterizada por arquitetura e arte renascentistas

A cidade de Úbeda com 35.000 habitantes está localizada a 10 km da cidade de Baeza.Ambas as cidades foram declaradas em 2003 um património mundial da UNESCO. Os centros históricos das duas cidades são o primeiro exemplo notável da arquitectura civil do Renascimento e do planeamento urbano na Espanha do início do século XVI. Úbeda foi fundada pelos árabes sob o nome de Madinat Ubbadat Al-Arab (Ubeda de los Árabes). A cidade foi conquistada pelo rei Fernando III em 1233.

O desenvolvimento final da cidade foi após a queda do Emirato de Granada, quando graças a alguns nobres da cidade como Francisco de los Cobos, secretário do imperador Carlos I e Juan Vázquez de Molina, que ocupou altos cargos na hierarquia do Estado. Grandes obras foram encomendadas ao arquiteto Andrés de Vandelvira. Esta atividade de construção intensa levou à construção de algumas verdadeiras obras de arte do Renascimento espanhol. Úbeda em seu centro histórico tem quase cinquenta monumentos notáveis ​​da Renascença.

QUE VER: AS PRINCIPAIS ATRAÇÕES DE ÚBEDA

Real Colegiata y Sacra Iglesia de Santa María la Mayor de los Reales Alcázares, Ubeda, Andaluzia, Espanha. Author and Copyright Liliana Ramerini

Real Colegiata y Sacra Iglesia de Santa María la Mayor de los Reales Alcázares, Úbeda, Andaluzia, Espanha. Author and Copyright Liliana Ramerini

A Plaza Vázquez de Molina é uma das melhores áreas de Renascença na Espanha. É o coração da cidade. Na praça há a monumental Sacra Capilla del Salvador de 1540-1556, desenhada por Diego de Siloé e criada por Andrés de Vandelvira, a Igreja gótica de Santa Maria de los Reales Alcázares, construída no século XIII no local da mesquita, o Palácio de Vázquez de Molina por Andrés de Vandelvira, também conhecido como o Palácio de las Cadenas, o Palácio do Deán Ortega, um palácio renascentista, projetado por Andrés de Vandelvira, o Palácio del Marqués de Mancera, o Antiguo Pósito, um armazém de grãos do século XVII, a casa de Juan de Medina, o Carcel del Obispo e o Palácio de Francisco de los Cobos.

À direita da Capilla del Salvador começa a Calle Baja del Salvador, que leva ao Hospital de los Viejos Honrados del Salvador e a um miradouro, de onde pode-se admirar o panorama das montanhas de Cazorla e Mágina. O Hospital de Santiago foi projetado por Andres de Vandelvira no final do século XVI. Da praça Vázquez de Molina chega-se à Plaza del Mercado, parcialmente reconstruída no século XIX, mas que tem alguns edifícios interessantes como a igreja de San Pablo dos séc. XV e XVI e o Ayuntamiento Viejo.

Casa de las Torres, Úbeda, Andaluzia, Espanha. Author and Copyright Liliana Ramerini

Casa de las Torres, Úbeda, Andaluzia, Espanha. Author and Copyright Liliana Ramerini

Outros edifícios da cidade, que estão localizados nas imediações da Plaza Vázquez de Molina são: A Casa de las Torres, que é um edifício medieval com adições renascentistas com um belo portal plateresco. O Palácio de la Vela de los Cobos é um palácio renascentista, construído no século XVI e desenhado por Andrés de Vandelvira. O Palácio del conde de Guadiana é um edifício de estilo maneirista, que agora abriga um hotel. O Convento de Santa Clara é um dos mosteiros mais antigos da cidade e foi fundado pelos franciscanos no século XIII. Outros edifícios históricos incluem: a Igreja de San Pedro, a Igreja de San Lorenzo, o Convento de San Miguel e o Oratório de San Juan de la Cruz, o Convento de las Carmelitas Descalzas, o Convento de la Inmaculada Concepción, o Palácio de D. Luis de la Cueva, o Palácio del Marqués de la Rambla e o Palácio de los Medinilla.

Texto português corrigido por Dietrich Köster.

banner
Siga-nos no Facebook
Mantenha-se informado sobre Guia Viagem