Home / África / Angola / Angola: Paisagens espetaculares e intocadas
Paisagem entre Lubango e Namibe, Angola. Author Erik Cleves Kristensen. Licensed under the Creative Commons Attribution
Paisagem entre Lubango e Namibe, Angola. Author Erik Cleves Kristensen

Angola: Paisagens espetaculares e intocadas

Angola (República de Angola) é uma república presidencial na África do sudoeste. Esta ex-colônia portuguesa é banhada pelo Oceano Atlântico a oeste, é limitada a norte e nordeste pela República Democrática do Congo, a sul-leste pela Zâmbia e a sul pela Namíbia.

Luanda é a capital de Angola. O país está dividida em 18 províncias incluindo o exclave de Cabinda, situado entre a República do Congo (Brazzaville) e Congo (Kinshasa). O país tem mais de 1.600 km de costa no Oceano Atlântico entre a foz do Zaire ao norte e a do Cunene no sul. Três das cidades mais importantes do país estão localizadas ao longo da costa atlântica: a capital Luanda e as cidades de Benguela e Lobito.

Para o norte o litoral é caracterizado por colinas suaves, para a área da capital o litoral é geralmente plano. Aqui estão os estuários dos rios Bengo e Cuanza. Na área do litoral de Benguela a faixa costeira é mais estreita e as montanhas estão próximas da costa, ao sul da cidade começa a área dominada pela savana, além da Serra da Neve começa a área do semi-deserto. Na cidade do Namibe e até a fronteira com a Namíbia a paisagem torna-se num verdadeiro deserto, formando a parte setentrional do deserto do Namibe.

O interior do país é caracterizado por uma faixa de terras altas com uma largura de 500 km, que são cobertas com savana e na província nortenha de Cuanza-Norte com floresta tropical. O maior dos planaltos de Angola é o do Bié, um planalto acidentado, que ocupa cerca de dois terços do território angolano e tem uma altitude média de 1.300 metros. Para a região oeste do Planalto do Bié na parte central do país existem algumas cadeias de montanhas (Serra do Chilengue, Serra do Humbe), onde fica a montanha mais alta de Angola o Morro de Moco, que atinge 2.620 metros. A partir dessas montanhas nascem os mais importantes rios angolanos incluindo o Kwanza e o Cunene, que desembocan no Atlântico e o Cuango, que corre a norte no rio Congo e finalmente o Kwando e o Kubango (nome que é chamado fora de Angola o Okavango). Este é o maior rio em Angola (975 km), alcançando os pântanos do Okavango no norte de Botsuana. Na área do planalto central é também Huambo, capital da província do mesmo nome e segunda cidade mais populosa do país. Do lado leste em direção ao interior da África o planalto desce suavemente para a bacia do Alto Zambeze. Aqui a terra é caracterizada por vastas savanas.

Mapa de Angola

Mapa de Angola

Quanto à economia – após 30 anos de guerra civil – , que causou um milhão de mortos e quatro milhões de refugiados, o país está lentamente tentando emergir do abismo. Rico em recursos minerais e agrícolas a economia angolana é agora a economia que cresce mais que a dos outros países da África e uma economia que se desenvolve mais rapidamente que no resto do mundo. —- A riqueza de Angola é baseada na extração de petróleo (o maior produtor da África depois da Nigéria), diamantes, ferro, gás natural, ouro e sal. A agricultura tem também consideráveis perspectivas. São cultivados algodão, banana, óleo de palma, café, cana de açucar, tabaco, milho, gergelim, mamona, sisal, borracha. Um potencial interessante tem a pecuária (bovinos, ovinos e caprinos), a pesca e a exploração da madeira.

O turismo é ainda pouco desenvolvido, mas o país tem algumas grandes paisagens intocadas, que uma vez reconstruída a infra-estrutura necessária (estradas, hotéis, instalações logísticas) pode certamente fazer o país atraente para o turismo. Um ponto de interesse turístico considerável são as cachoeiras de Calandula (Quedas do Duque de Bragança) do rio Lucala – afluente direito do Cuanza – , que poderia atraer turistas no futuro. Impressionantes são também as paisagens naturais do planalto do Bié, a área rochosa do Pungo Andongo e o deserto do Namibe. Mas existem muitas outras atrações no país.

Texto português corrigido por Dietrich Köster. 

  • Área: 1.246.700 km². (Área Arável 2,8%, Prados e Pastagens 43,3%, Florestas e Bosques 18,2%, Inculta e Improdutiva 35,5%).
  • População: 15.900.000 (2005) Negros 97% (Ovimbundu 37%, Kimbundu 25%, Bakongo 13%), mestiços (descendentes de cruzamentos entre europeus e africanos) 2%, europeus 1%.
  • Capital: Luanda.
  • Língua oficial: o Português. Línguas regionais são Kongo, Ovimbundu, Kimbundu, Chokwe.
  • Religião: Católicos 65%, Protestantes 20%, Crenças indígenas 10%.
  • Moeda: Kwanza (AOA)
  • Fuso horário: UTC+1
banner
Close
Inscreva-se no nosso canal YOUTUBE
Se você gosta de viajar, inscreva-se no nosso canal de viagens YOU TUBE: