Home / Europa / Grécia / Amorgos: uma ilha das Cíclades, selvagem e pouco tocada pelo turismo

Amorgos: uma ilha das Cíclades, selvagem e pouco tocada pelo turismo

A ilha de Amorgos com 121 km² e 1.860 habitantes é a ilha mais oriental do arquipélago das ilhas Cíclades. Está localizada no sudeste de Naxos. A ilha tem uma forma alongada do sudoeste para nordeste. A capital é a vila de Chora (Hora), situada quase no centro da ilha. Amorgos é a sétima maior das Cíclades e tem 33 km de comprimento, enquanto a sua largura varia entre 1,9 km e 6,5 km.

 O principal porto, onde as balsas chegam, é Katapola. Outros ferries chegam a Aegiali (Egiali). Ambos os portos estão localizados na costa norte da ilha. O território da ilha, como em todas as Cíclades, é árido e estéril. Na parte ocidental da ilha há muitos vales pequenos e enseadas com praias de areia branca. Os rios da ilha são de caráter breve e torrencial.

Há uma única estrada, que atravessa a ilha de norte a sul ligando todas os povoamentos principais de Amorgos. As únicas áreas cultivadas da ilha estão localizadas na planície costeira do Egiali e nos vales aluviais de Xylokeratidi e Katapola. Em essas áreas são praticadas o cultivo de oliveiras. Outras áreas agrícolas da ilha, onde cultivam-se cereais e outros alimentos, é o planalto interior de Kolofana e Kalotaritissa.

Formada por colinas nuas com oliveiras e figueiras ao longo de toda a extensão da ilha o território é cortado por uma cadeia de montanhas, que desce abruptamente para o mar, especialmente ao longo da costa sul-oriental. Ao longo da costa noroeste há várias pequenas ilhas desabitadas, cuja área total é inferior a 5 km². A maior destas ilhas é Nikouria, que sobe a uma altura de 346 metros. A pequena ilha de Gramvousa fica no extremo sudoeste da ilha de Amorgos.

A ilha è mais de 800 metros acima do nível do mar em sua parte norte com o Monte Krikelos de 821 metros. No centro da ilha está o Monte Profitis Ilias (Profeta Elias), que domina a ilha com seus 698 metros de altura. O mosteiro de Hozoviotissas encontra-se às suas encostas. Na parte sul da ilha fica o Monte Korakas, que atinge 530 metros de altura.

Amorgos foi habitada desde os tempos antigos e era provavelmente já no terceiro milênio a.C. um importante centro comercial ao longo das rotas do Mar Egeu. Colonizada pelos jônicos, Amorgos tem seguido as vicissitudes da história da Grécia. Durante o Império Romano foi usada como um local de exílio para nobres romanos. Entrada na órbita bizantina a ilha ficou ocupada pelos turcos entre 1537 e 1830.

Amorgos é famosa por seu antigo mosteiro bizantino de Hozoviotissas (Panagia Hozoviotissa), que abriga um ícone milagroso antigo. Está situado a 300 metros acima do nível do mar em uma parede de pedra no meio do litoral sul, a partir do qual você pode desfrutar uma vista maravilhosa sobre a ilha e o mar. O mosteiro, fundado no início do século IX e reconstruído no século XI, é considerado como um dos mosteiros arquitetonicamente mais interessantes no Mar Egeu.

A ilha está cheia de pequenas aldeias aninhadas nas montanhas. Perto do centro da ilha há um ponto de atração chamado Chora (Hora), a antiga capital da ilha, que está localizada a 400 metros de altura e tem um pequeno museu arqueológico e uma fortaleza do século XIII. Outras vilas interessantes são as de Katapola com os restos arqueológicos de Minoa, o porto de Aegiali (Egiali), os restos do mosteiro de Aghios Ioannis Theologos e as pequenas aldeias de Tholaria e Langada, localizadas no extremo norte da ilha. As praias de Amorgos são pequenas e de cascalho. Entre as mais bonitas praias encontram-se as de Agia Anna, Agia Pavlos, Paradisi e Mouron.

COMO CHEGAR A AMORGOS

FERRIES: Amorgos está ligada por ferry regular para o porto de Pireu a poucos quilômetros a oeste de Atenas. O tempo necessário para a travessia varia entre 7 e 9 horas. A ilha está também ligada por balsa com algumas ilhas das Cíclades como Naxos, Paros, Patmos, Milos, Santorini, Folegandros, Syros e Schinousa. Há também balsas, que ligam Amorgos com Rodes em 10 horas, Leros em 3 horas, Cós em 5 horas e Patmos em 2 horas de viagem. Estas ilhas ficam no Dodecaneso.

Texto português corrigido por Dietrich Köster.

banner
Close
Inscreva-se no nosso canal YOUTUBE
Se você gosta de viajar, inscreva-se no nosso canal de viagens YOU TUBE: